Ave Maria Imaculada... Rezai o Terço todos os dias... Mãe da Eucaristia, rogai por nós... Rainha da JAM, rogai por nós... Vinde, Espirito Santo... Jesus, Maria, eu amo-Vos, salvai almas!

Temas de Formação

Sete verdades para vencermos o mal

Sete verdades para vencermos o mal

A primeira é o cinturão da verdade. Tenho vivido uma fé de santidade, de compromisso ou apenas uma fé de curas? A mentira não vem de Deus, o pai da mentira é satanás. Em João 8, 44 lemos: “Vós tendes como pai o demónio e quereis fazer os desejos do vosso pai. Ele era homicida desde o princípio e não permaneceu na verdade, porque a verdade não está nele. Quando diz a mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso e pai da mentira.”

Não importam os motivos, diga sempre a verdade! É preciso ter discernimento para não inventar desculpas, “mentirinhas”.

A segunda é a couraça da justiça, o objetivo da couraça é proteger os órgãos vitais dos cristãos. O inimigo atinge-nos no coração, pulmão, fígado. Buscamos cura, mas não nos revestimos com esta couraça. A injustiça é como uma droga, que começa aos poucos. Chega de dar jeitinho! A injustiça começa com o desrespeito. Guarde o seu coração, guarde o seu corpo dos malefícios da injustiça. Você não precisa de vantagens, não precisa do que não é seu, você precisa de santidade! Você não pode intimidar-se diante do inimigo, isto é justiça.

 “Não cometereis injustiça nos juízos, nem na vara, nem no peso, nem na medida. Tereis balanças justas, pesos justos. Eu sou o Senhor, vosso Deus que vos tirei do Egito.” (Levítico 19, 35-36)

Seja sempre justo consigo mesmo, com o semelhante, inclusive nas pequenas coisas!

A terceira, é calçar os pés para anunciar o Evangelho. Procure o caminho da porta estreita e não abandone a sua cruz! O Evangelho, muito mais do que normas, é uma pessoa, é Jesus Cristo. É Ele que tenho que anunciar, é o caminho de Jesus que tenho que seguir. Não posso procurar amuletos para ser a minha segurança, não posso querer anunciar Jesus Cristo e viver no pecado. Não podemos ter uma fé levada pelos apetites da carne, pelas superstições. Se Deus nos deu orientações a seguir é porque existe um caminho correto. Você não pode servir ao Senhor e às coisas do mundo!

A quarta é o escudo da fé. Não importa o que você está a sofrer, nada te pode abalar, pois pela fé você sabe que em tudo você é vencedor, em Deus você pode confiar. Aquele que usa o escudo da fé é salvo de todos os tormentos. O mundo precisa da onda da fé e não da onda do espiritismo, da nova era e tantas outras ondas que estão por aí. Para ter milagres, para expulsar toda a maldição da sua vida é a onda da fé. Para rasgar o inferno e levantar a sua família é a onda da fé.

A quinta é o capacete da salvação. A nossa mente é o local onde todas as decisões são tomadas. A mente gera o medo, a incapacidade, a fobia, os sentimentos de derrota. Pare de acreditar nas negatividades, nas mentiras que o mundo te diz! É preciso manter os pensamentos em Jesus Cristo.

A sexta é a espada da Palavra de Deus, que tem poder de curar, de libertar. Ele vai libertar-te. Não acredites nas aflições, acredita na Palavra de Deus!

A sétima, é orar sem cessar. Reze sempre, até o milagre acontecer, em todas as circunstâncias.

A armadura de Deus é gratuita e está à disposição de todos aqueles que querem. Deus está contigo agora e para sempre!

Regressar