Ave Maria Imaculada... Rezai o Terço todos os dias... Mãe da Eucaristia, rogai por nós...Rainha da JAM, rogai por nós... Vinde, Espirito Santo... Jesus, Maria, eu amo-Vos, salvai almas!

Página Eucarística

Orações

Oração Reparadora ao Santíssimo Sacramento
Divino Salvador Jesus, dignai-Vos baixar um olhar de misericórdia sobre os vossos filhos que, reunidos num mesmo pensamento de fé, reparação e amor, vêm chorar a vossos pés as suas infidelidades e as dos seus irmãos, os pobres pecadores.
Possamos nós, pelas promessas unânimes e solenes que vamos fazer, tocar o vosso divino Coração e d’Ele alcançar misericórdia para o mundo infeliz e criminoso e para todos aqueles que não têm a felicidade de Vos amar!
Daqui por diante, sim, todos nós Vo-lo prometemos:

Do esquecimento e da ingratidão dos homens, …
Nós Vos consolaremos Senhor! (Repetir após cada verso).
Do abandono em que sois deixado no santo tabernáculo, …
Dos crimes dos pecadores, …
Do ódio dos ímpios,…
Das blasfémias que se proferem contra Vós, …
Das injúrias feitas à vossa divindade, …
Dos sacrilégios com que se profana o vosso Sacramento do amor, …
Das imodéstias e irreverências cometidas na vossa presença adorável, …
Da tibieza do maior número dos vossos filhos, …
Do desprezo que se faz aos vossos convites cheios de amor, …
Das infidelidades daqueles que se dizem vossos amigos, …
Do abuso das vossas graças, …
Das nossas próprias infidelidades, …
Da incompreensível dureza do nosso coração, …
Da nossa longa demora em Vos amar, …
Da amarga tristeza em que sois abismado pela perda das almas, …
Do vosso longo bater às portas do nosso coração, …
Das amargas repulsas de que sois saciado, …
Dos vossos suspiros de amor, …
Das vossas lágrimas de amor, …
Do vosso cativeiro de amor, …
Do vosso martírio de amor, …

ORAÇÃO: Divino Salvador Jesus, que do vosso Coração deixastes escapar esta queixa dolorosa: “Eu procurei consoladores e não os achei”, dignai-vos aceitar o pequeno tributo das nossas consolações e assistir-nos tão poderosamente com o socorro da vossa graça que para o futuro, fugindo cada vez mais de tudo o que Vos poderia desagradar, nos mostremos em tudo, por toda a parte e sempre, vossos filhos, os mais fiéis e devotados. Nós Vo-Lo pedimos por Vós mesmo que, sendo Deus, com o Pai e o Espírito Santo, viveis e reinais nos séculos dos séculos Amém.

 

Dulcíssimo Jesus

Dulcíssimo Jesus, cuja infinita caridade para com os homens é por eles tão ingratamente correspondida com esquecimentos, friezas e desprezos, eis-nos aqui prostrados na vossa presença, para Vos desagravarmos, com especiais homenagens, da insensibilidade tão insensata e das nefandas injúrias com que é, de toda parte, alvejado o vosso amorosíssimo coração.
Reconhecendo, porém, com a mais profunda dor, que também nós, mais de uma vez, cometemos as mesmas indignidades, para nós, em primeiro lugar, imploramos, a vossa misericórdia, prontos a expiar não só as próprias culpas, senão também as daqueles que, errando longe do caminho da salvação, ou se obstinam na sua infidelidade, não Vos querendo como pastor e guia, ou, calcando as promessas do baptismo, sacudiram o suavíssimo julgo da vossa santa lei.
De todos estes tão deploráveis crimes, Senhor, queremos nós hoje desagravar-Vos, mas, particularmente, da licença dos costumes e imodéstia do vestido, de tantos laços de corrupção armados à inocência, da violação dos dias santificados, das execrandas blasfémias contra Vós e vossos Santos, dos insultos ao vosso Vigário e a todo o vosso clero, do desprezo e das horrendas e sacrílegas profanações do Sacramento do divino amor, e, enfim, dos atentados e rebeldias das nações contra os direitos e o magistério da vossa Igreja.
Oh! Se pudéssemos lavar, com o próprio sangue, tantas iniquidades!
Entretanto, para reparar a honra divina ultrajada, Vos oferecemos, juntamente com os merecimentos da Virgem Mãe, de todos os santos e almas piedosas, aquela infinita satisfação, que Vós oferecestes ao eterno Pai sobre a cruz, e que não cessais de renovar, todos os dias, sobre nossos altares.
Ajudai-nos Senhor, com o auxílio da vossa graça, para que possamos, como é nosso firme propósito, com a vivência da fé, com a pureza dos costumes, com a fiel observância da lei e caridade evangélicas, reparar todos os pecados cometidos por nós e por nosso próximo, impedir, por todos os meios, novas injúrias de vossa divina Majestade e atrair ao vosso serviço o maior número de almas possíveis.
Recebei, ó benigníssimo Jesus, pelas mãos de Maria Santíssima reparadora, a espontânea homenagem deste nosso desagravo, e concedei-nos a grande graça de perseverarmos constantes, até à morte, no fiel cumprimento dos nossos deveres e no vosso santo serviço, para que possamos chegar à pátria bem-aventurada, onde Vós com o Pai e o Espírito Santo viveis e renais, Deus, por todos os séculos dos séculos. Amém.
(Acto de Reparação do “Papa Pio XI” - Para ser rezado na festa do Coração de Jesus e nas primeiras sextas-feiras)

 

As Doze Promessas

Eis aqui o Coração que a tal ponto amou os homens, que nada poupou, até se esgotar e se consumir, para lhes testemunhar o seu amor; e, entretanto só recebo da maior parte deles ingratidões, pelas irreverências, sacrilégios, desprezo e tibieza com que me tratam no meu Sacramento de amor. O que me é ainda mais sensível, é serem corações que me foram consagrados, os que assim me tratam. Por isso te peço que se dedique a primeira sexta-feira depois da oitava do Santíssimo Sacramento a uma festa particular com o fim de venerar o meu Coração, fazendo-lhe actos de reparação, comungando nesse dia em desagravo pelas indignidades recebidas durante o tempo em que esteve exposto sobre os altares.

As outras promessas do Coração de Jesus a Santa Margarida Maria Alacoque:

1- Darei às almas dedicadas ao meu Coração todas as graças necessárias ao seu estado.
2- Farei reinar a paz nas suas famílias.
3- Eu as consolarei nas suas penas.
4- Serei o seu refúgio seguro durante a vida e, sobretudo na hora da morte.
5- Derramarei copiosas bênçãos sobre todas as suas empresas.
6- Os pecadores acharão no Meu Coração a fonte e o oceano infinito da misericórdia.
7- As almas tíbias tornar-se-ão fervorosas.
8- As almas fervorosas elevar-se-ão rapidamente a uma grande perfeição.
9- Abençoarei as casas em que se achar exposta e for venerada a imagem do Meu Coração.
10- Darei aos sacerdotes o dom de tocar os corações mais endurecidos.
11- As pessoas que propagarem esta devoção terão os seus nomes escritos indelevelmente no Meu Coração.
12- O amor todo-poderoso do Meu Coração concederá a todos os que, durante nove meses seguidos, se confessarem e comungarem na primeira sexta-feira, a graça da perseverança final.



Regressar