Ave Maria Imaculada... Rezai o Terço todos os dias... Mãe da Eucaristia, rogai por nós...Rainha da JAM, rogai por nós... Vinde, Espirito Santo... Jesus, Maria, eu amo-Vos, salvai almas!

Espiritualidade

10 Conselhos para manter o corpo espiritualmente em forma

Cuida da tua alma como do teu corpo

1.- Evita fofocas e fofocas

Jesus disse claramente que seremos julgados por cada palavra que sai da nossa boca, e também disse que da abundância do coração fala a boca. Se temos o hábito de frequentar indivíduos que são fofocas incorrigíveis, então devemos fazer uma mudança e não os frequentar mais.

O capítulo 3 da Carta do Apóstolo Tiago, é um excelente capítulo sobre as escrituras sobre dois pecados da língua.

2.- Veste-te adequadamente

Não devemos ser ocasião de pecado para os outros. O nosso corpo é um templo sagrado desde o baptismo.

São Paulo lembra-nos que somos embaixadores de Cristo. Isto significa ser representantes do Senhor dos senhores e rei dos reis. Temos que nos vestir de acordo.

Quando dizemos para nos vestirmos adequadamente não é apenas na igreja, como se este fosse o único lugar para se vestir com decoro e modéstia, devemos fazê-lo sempre e em todos os lugares. Nunca devemos esquecer que somos cristãos 24 horas por dia (24 horas por dia, 7 dias por semana) e isso significa, sempre.

3.- Evita as más companhias

São Paulo disse que quanto más empresas corrompem a moral. Este provérbio expressa concisamente a verdade seguinte: "Diz-me com quem andas e eu te direi quem tu és." Não precisamos ser génios para saber que tendemos a imitar os nossos amigos e companheiros.

Rezemos pela graça de encontrar um ou dois amigos que são cristãos verdadeiramente nobres, honestos, puros e trabalhadores e terás descoberto um verdadeiro tesouro. A sabedoria do Antigo Testamento ensina-nos que encontrar um bom amigo é encontrar um tesouro.

4.- Cuida do teu olhar

Outro provérbio é oportuno para este conceito: "A curiosidade matou o gato". Pior, o olhar travesso do rei David resultou em adultério com Bathsheba, e eventualmente no assassinato do seu marido, o bravo e honesto soldado Uriah de Hitita (2 Samuel 11).

Job disse: "Fiz um pacto com os meus olhos para não fixar o meu olhar em qualquer jovem" (Trabalho 31:1). Por fim, Jesus toma-o como certo nas suas Beatitudes: "Bem-aventurados são os puros de coração, pois todos verão Deus" (Mateus 5:8).

Num mundo cheio de imagens impuras, humanas e digitais, mais do que nunca precisamos de ter uma custódia rigorosa dos nossos sentidos, especialmente da nossa visão.

5.- Evita ser impulsivo

Outra atitude ou disposição que devemos evitar é dominar a impulsividade, em todos os sentidos, mas especialmente quando falamos.

Um bom provérbio diz: "Pensa antes de falar." Outro provérbio, que de alguma forma faz com que aqueles que falam e depois pensem cair em conta é o seguinte: "Não digas algo de que te possas vir a arrepender." Num nível espiritual mais alto, James adverte-nos: "Devemos estar prontos para ouvir e ser lentos para falar."

São Tomás de Aquino oferece esta perspectiva interessante: "Deus deu-nos dois ouvidos e uma boca para ouvir o dobro do que falamos". Medite sobre isto antes de falar!

6.- Meios electrónicos

De extrema importância para todos nós que vivemos agora neste universo electrónico é a extrema necessidade de prestar atenção ao uso dos MCS actuais.

Como disse o venerável Fulton Sheen: "Obviamente nunca abriremos a nossa boca para cavar no lixo." Também estabeleceu que podemos facilmente ser imbuídos e sugados para o lixo moral com os nossos olhos.

Um bom vómito pode nos libertar do lixo físico consumido. No entanto, pode levar anos para excluir ou excluir uma imagem que vimos de uma das muitas fontes do mundo moderno dos MCS.

A nossa mente é um óptimo arquivo que mantém todas as nossas experiências, tudo o que fizemos, e tudo o que vimos. Ao conseguir, devemos ser rigorosos connosco mesmos e com as nossas crianças sobre o que trazemos para a nossa mente e o nosso coração, através do que vemos.

7.- A ociosidade

A ociosidade é a oficina do diabo, é outro provérbio a ter em conta. Por outras palavras, se não temos nada para fazer, o diabo nos dará muitas coisas para fazer.

São João Bosco tinha um medo mortal das férias para os jovens e os adolescentes.

O trabalho é bom para todos nós. O trabalho aperfeiçoa o nosso carácter e ajuda a cultivar os nossos talentos. O trabalho serve como um meio de ajudar os outros. A obra foi o que Deus comandou Adão após o pecado original: "Com o suor do teu rosto deves comer o pão, até que voltes à terra, pois dela foste tirado." (Gen 3:19).

8.- Preguiça mental

Para acompanhar no ponto sete a síndrome do teleaddicto, há preguiça mental. Outro slogan jovem é: "Se tu não o usas, vais perdê-lo."

Deus doou-nos com uma mente que ele deseja que cultivemos. Um jardim que não é cultivado rapidamente, produz ervas. Uma mente que não é cultivada permite o crescimento de tecidos no cérebro. Esta preguiça mental pode ser prevenida ou corrigida através do excelente hábito de boas leituras.

Nunca vivemos num mundo com tanta confusão. No entanto, nunca vivemos num mundo com uma literatura tão boa. Depende de não encontrar uma boa literatura e formar o hábito de ler. Alguns dos melhores amigos podem ser bons livros. Santo Inácio recebeu a graça da sua conversão através da leitura de bons livros: A Vida dos Santos.

9.- Evita comer demais

A Gula é um dos 7 pecados mortais. A definição de gula é: Um desejo desordenado de comer e beber. Muitos problemas de saúde são resultado de maus hábitos alimentares. Gula, luxúria e preguiça de tuberculose muitas vezes trabalham juntos como uma equipa para nos levar ao pecado. Qual é o remédio? Aqui está: Reza para teres uma autêntica fome de Jesus, o pão da vida (João, 6:22-71, a palavra do pão da vida).

Na Oração do Senhor rezamos: "Dá-nos hoje o nosso pão diário." Isto pode ser interpretado de forma sacramental, o hábito de ir à missa e receber Jesus na Sagrada Comunhão, o verdadeiro pão da vida. Isto nos ajudará a subordinar os desejos do corpo ao domínio da vontade.

10.- Evita opiniões contrárias a nossa mãe Maria

Maria nunca, nunca, nos distancia de Jesus. Pelo contrário, como afirma S. Luís de Montfort: "Maria é o caminho mais rápido, seguro e mais curto para Jesus."

Maria é o ATALHO para a União com Jesus, se gostas de o ver desta forma. As últimas palavras de Maria gravadas nas Escrituras Sagradas foram ditas na festa de casamento, em Caná: "Fazei tudo o que Ele vos disser." (João 2:5) Sem dúvida, o melhor conselho do mundo! Nossa Senhora serve como ponte para a união com Jesus.

Dizia São João Maria Vianney: "Tudo o que o Filho pede ao Pai, lhe é concedido. Tudo o que a Mãe pede ao Filho é igualmente concedido a ela.

Santo Efrém, com a sua mística e flash poético exclama: "A incomparável Mãe de Deus é o mais puro censer do ouro. Nas suas orações, ele oferece-se ao Deus eterno." Finalmente, medita nas palavras de São Maximiliano Kolbe: "Coloquem-se nas mãos de Maria; ela vai pensar em tudo e saber mais informações sobre as necessidades do teu corpo e alma. Portanto, ela está em paz, em total paz, com confiança ilimitada nela.

Devemos evitar todos os perigos que podem facilmente comprometer a saúde do nosso corpo, que pertence à nossa vida natural. No entanto, devemos tomar uma decisão mais firme da nossa parte, para o benefício daqueles que nos confiaram o nosso cuidado, para evitar todo o veneno moral que pode matar a vida espiritual nas nossas almas.

O que uma dama alcança para nós pela graça de amar a Deus com todos os nossos corações, mentes e almas para que um dia o céu possa ser o nosso lar e lugar de descanso perpétuo!

Regressar