Ave Maria Imaculada... Rezai o Terço todos os dias... Mãe da Eucaristia, rogai por nós... Rainha da JAM, rogai por nós... Vinde, Espirito Santo... Jesus, Maria, eu amo-Vos, salvai almas!

A Morte

Ao morrermos, quando iremos receber um corpo glorioso?

  “Quando morremos, a nossa carne destrói-se, mas a nossa alma não, porque é imortal”

Ao morrermos, quando iremos receber um corpo glorioso?

Nós terminamos sempre o Credo com uma profissão de fé na ressurreição da carne e na vida eterna. Quando dizemos isso, reafirmamos que, como Cristo ressuscitou verdadeiramente, também nós ressuscitaremos no fim dos tempos.

E o que significa a palavra “carne”? “Carne” é a nossa condição humana, marcada pela fraqueza. Quando morremos, a nossa carne destrói-se, mas a nossa alma não, porque é imortal. Então, crer na ressurreição dos mortos é crer na vitória da vida sobre a morte. Jesus ressuscitou, nós também ressuscitaremos. Nós ressuscitaremos como Cristo, com Cristo e por Cristo. E, se alguém disser que a ressurreição dos mortos não acontecerá, lembre-se de São Paulo que nos disse que o nosso Deus não é um Deus de mortos, mas dos vivos (cf. Mc 12,27).

E o que será a ressurreição? Será quando Deus reunir a nossa alma ao nosso corpo. Ressuscitarão no fim dos tempos todos os homens que tiverem morrido. Os que tiverem sido fiéis a Deus, ressuscitarão para a vida e, os que tiverem praticado o mal, feito más escolhas na vida, ressuscitarão para a condenação.

Como será o nosso corpo glorioso após a ressurreição? Não será mais um corpo corruptível. Será um corpo revestido da incorruptibilidade, sem as limitações da matéria. É isto que a Igreja ensina, é isto que nós cremos, é isto que esperamos.


Regressar