Ave Maria Imaculada... Rezai o Terço todos os dias... Mãe da Eucaristia, rogai por nós...Rainha da JAM, rogai por nós... Vinde, Espirito Santo... Jesus, Maria, eu amo-Vos, salvai almas!

Curiosidades

Como ter uma memória fresca

Datas de aniversário, senhas, letras de músicas… Para evitar as lacunas de memória, temos que estimular constantemente o nosso cérebro. Aqui pode ler alguns exercícios práticos para por em funcionamento os neurónios diariamente

A memória só se desgasta se não for usada. A doutora Cécile Maître dá algumas dicas para ela trabalhar todos os dias.

Como funciona a memória?

A memória permite-nos capturar, acumular e recuperar as informações que recebemos. Há três fases que intervêm em sucessão. Primeira, a memória sensorial, muito curta, da qual participam os cinco sentidos. É muito importante para a instalação da segunda fase, a memória de curto prazo, que dura algumas dezenas de segundos e permite gravar um rosto, uma paisagem, uma figura, um fragmento musical …

Estas informações serão gravadas e armazenadas na memória de longo prazo, que abrange meses, anos ou mesmo uma vida inteira. Isto permite preservar lembranças, conhecimentos históricos e geográficos, mas também realizar acções como dirigir, digitar no computador, tocar piano …

Dependendo das tarefas realizadas, diferentes partes do cérebro são estimuladas, daí a importância das actividades mentais variadas. E perseverar: a habilidade de aprender diminui com a idade, mas não a capacidade.

Como exercitar a memória?

Aprender. De tudo um pouco: poemas, receitas, números de telefones, endereços, roteiros, listas de compras e, porque não, versículos bíblicos. Para fazer isto, podemos usar meios mnemónicos. É preciso esforçar-se para lembrar eventos importantes do dia, de meses ou anos anteriores.

Jogar. Dando preferência a jogos que requeiram reflexão, lógica e conhecimentos: baralho, xadrez, palavras cruzadas, Sudoku, etc. É conveniente ir revezando, pois cada um apela para o funcionamento de uma actividade cerebral diferente.

Ler. Ler faz o cérebro funcionar melhor do que as telas do computador. Reveze livros de reflexão com jornais, revistas e livros de romances. Nada melhor do que viajar no tempo e no espaço para reacender as memórias da escola.

Manter a calma. O estresse e a ansiedade atrapalham a capacidade de aprender.

Deixe-se surpreender, maravilhe-se! A indiferença é um obstáculo à memória.

E … dormir. Durante a noite, o cérebro classifica e organiza as informações do dia. A falta de sono prejudica a memória.

Doutora Cécile Maître

Regressar