Ave Maria Imaculada... Rezai o Terço todos os dias... Mãe da Eucaristia, rogai por nós...Rainha da JAM, rogai por nós... Vinde, Espirito Santo... Jesus, Maria, eu amo-Vos, salvai almas!

Quaresma-Páscoa

As Sete Palavras de Cristo na Cruz

As Sete Palavras de Cristo na Cruz

Com o Domingo de Ramos entramos na SEMANA SANTA, onde se centraliza todo o Mistério da nossa Salvação em Cristo Jesus. 

 A crucificação de Jesus Cristo é narrada nos quatro evangelhos, dando o quadro completo do sacrifício do Cordeiro de Deus pela Salvação do mundo (Lc. 23,33-49; Mt. 27,32-56; Mc 15,21-41; João 19,17-37).
È uma tradição antiga da Igreja, dos grandes pregadores reflectirem e mergulharem na espiritualidade das Sete Palavras de Cristo na Cruz.
Hoje podemo-nos prostrar diante do crucificado e beijando as Suas Santas Chagas receber os frutos desta santa devoção.
Às três horas da tarde, dizem os Evangelhos, Jesus morre por amor de mim e de ti, esta é a Hora da Misericórdia.
“Ó Sangue e Água que jorrastes do Coração de Jesus como fonte de misericórdia para nós, eu confio em Vós!” 

Dentro desta espiritualidade, meditemos nas sete últimas Palavras de Cristo na cruz, dando a vida por mim e por ti:

1 - “Pai, perdoa-lhes; porque não sabem o que fazem”. (Lc. 23,34)
Jesus deixa-se crucificar pelos nossos pecados.

2 -  “Em verdade te digo que hoje estarás comigo no paraíso” (Lc 23,43)
Jesus deixa-se crucificar pela salvação dos perdidos. (Dimas o bom ladrão).

3 -  “Mulher, eis aí o teu filho… Eis ai a tua mãe” (João 19, 26, 27)
Jesus recomenda sua mãe a João e João a sua mãe, proclamando a grande fraternidade da família de Deus a Igreja.

4 -  “Meu Deus, meu Deus porque me abandonaste”. (Mt 27,46) e Mc 15,34)
Jesus deixa-se crucificar no lugar dos pecadores, Ele faz-se pecador. (II Cor. 5,21)

5 - “Tenho sede” (João 19,28)
Jesus morre de sede, para dar a Água da vida ao mundo.

6 - “Tudo está consumado” (João 19,30).
Jesus fica satisfeito ao ver consumada a sua obra de redenção, a sua Vitória sobre a morte.

7 - “Pai, nas tuas mãos entrego o meu espírito” (Lc 23,46)
Jesus expira nas mãos do Pai, para nos ensinar a viver e morrer.

      O mundo tem sede de Deus, de beber do manancial da salvação, que é o Coração aberto de Jesus na Cruz. O sangue de Jesus Cristo nos lave de Todo o mal, de todo o pecado, e nos conceda a Vida, a saúde e a paz…

“Um dos soldados abriu-lhe o lado com uma lança e, imediatamente, saiu sangue e água”. (Jo 19,34).

  Oração: Eterno Pai, eu Vos ofereço o Corpo e o Sangue, a Alma e a Divindade de Vosso dilectíssimo Filho Nosso Senhor Jesus Cristo, em expiação dos nossos pecados e dos pecados do mundo inteiro. Pela Sua dolorosa Paixão, tende misericórdia de nós e do mundo inteiro.

Regressar