A protecção da Virgem Santíssima
Santo Afonso Maria de Ligório escreve: «No Natal, na Páscoa e festas solenes da Santíssima Vir­gem, Ela desce ao Purgatório acompanhada por muitos anjos e livra muitas almas daquelas penas». "Contaram a uma senhora da alta sociedade que o seu filho tinha sido assassinado, e que o assassino se havia refugiado no seu palácio. Lembrou-se a pobre mãe de que também a San­tíssima Virgem perdoara aos que crucificaram o seu filho; em lembrança das dores da Virgem perdoou generosamente ao refugiado. Não contente com isso, mandou dar cavalos, di­nheiro e roupa ao criminoso, para que se salvasse pela fuga. Apareceu então a esta senhora o seu filho, dizendo que não só se salvara, como também fora livre do purgatório pela Mãe de Deus, por causa do perdão generosamente concedido ao ini­migo. De contrário, ter-lhe-ia sido muito longo o purgatório, mas que naquele momento ia entrar no Céu".