O DIA 25 DE CADA MĘS

Explicação:
Se é verdade que o Menino Jesus, todos os dias, atende solícito as súplicas fervorosas dos seus devotos, há um dia porém em que Ele deseja ser honrado duma maneira especial e em que a mãos cheias distribui bênçãos e graças com uma generosidade assombrosa

É que esse dia representa o aniversário da sua Incarnação nas entranhas puríssimas de Maria e o aniversário do seu Nascimento neste mundo. Dois mistérios que são os fundamentais e principais da Infância de Jesus.
E compreende-se que aquele Jesus que disse: «tudo o que pedirdes pelos méritos da minha Infância vos será concedido», nesse ditoso dia 25 de cada mês, distribui graças sem medida.

A este respeito é interessante o que diz Santa Teresinha do Menino Jesus:
«E esse milagre tão desejado fê-lo Deus no dia 25 de Dezembro de 1886, que ficou a ser para mim uma data inolvidável, pois nessa festa do Natal, nessa noite abençoada, Jesus, meigo Infante de uma hora, trocou a noite da minha alma em torrente de luz. Ao revestir-se por meu amor da fraqueza e pequenez mortal encheu-me de fortaleza e coragem; e empunhando assim as suas armas, fui caminhando de vitória em vitória, dando princípio a uma carreira de gigante». (História duma Alma, cap. V).

Que o dia 25 de cada mês seja para os devotos do Menino Jesus como um dia de festa espiritual.
Era bom que todas as pessoas nesse dia recebessem Jesus no sacramento da Eucaristia, recitassem a coroinha e rezassem os mistérios da Infância de Jesus!