Dez maneiras de amar a minha namorada sem sexo

 

Dez maneiras de amar a minha namorada sem sexo

 

É possível amar a namorada sem ter relação sexual com ela

Quando se fala de namoro, logo se pensa num monte de coisa do tipo “pode ou não pode”, mais que isso, querem meter na nossa cabeça que o namoro precisa de ser um “teste drive” do outro, para ver quanto, de facto, conseguiremos levá-la ao máximo de prazer!

Falemos dos homens que querem amar as namoradas, e não usá-las: “é possível amar a namorada sem ter de fazer sexo com ela”. Sim, é possível fazê-la profundamente desejada, amada e feliz sem ter de, com isso, apelar para uma relação sexual antes do casamento.

Há quem não acredita nesta possibilidade. Quero desafiá-lo, então, a ir até ao fim desta página, porque, podes estar a viver uma mentira no teu namoro, podes estar enganado, pensando que estás a amar a namorada quando a levas para o motel ou te tranca com ela no quarto, para as aventuras de um sexo sem amor.

Amar é esperar e dar de si ao outro, e não querer o outro para si. Sem muitas delongas, vamos lá!

10 formas de amá-la sem ter relações sexuais com ela antes do casamento:

Amar no olhar

Exercita a capacidade de vê-la como uma princesa, como uma filha de Deus, como alguém que, de facto, possui virtudes inimagináveis. Exercita a capacidade de demonstrar no teu olhar quanto ela é importante para ti, e como a tua vida ganha sentido quando gastas tempo a olhar para ela. Afinal, há quanto tempo não passas mais de 5 minutos a olhar para ela olhos nos olhos?

Amar no ouvir

As mulheres gostam de falar, falar e falar. E nós homens precisamos de exercitar a capacidade de ouvir até aquilo que elas não dizem de maneira verbal. As mulheres, na sua maioria, querem que as “adivinhemos” e que gastemos tempo ouvindo o que elas não dizem. Quando tu conseguires isto, terás descoberto o fio de ouro da vossa relação.

Amar no sentir

Antes de sentir o corpo nu da tua namorada (há um tempo reservado para isso, que se chama casamento), que tal sentir o coração dela? A maior e mais profunda penetração que tu podes ter com ela não será a da relação sexual, isso será quando penetrares no coração dela e assim sentires os sentimentos que ela tem!

Amar no tocar

A nossa grande “neura”, enquanto homens (infelizmente, a sociedade forma-nos assim), é tocar no corpo da namorada, para alcançar as partes mais erógenas dela e, assim, deixá-la pronta para uma relação sexual. Mas isso, no namoro, é uso, não é amor. Queres amar a namorada de verdade? Gasta tempo a tocar na história dela, no que ela viveu e vive.

Amar no abraçar

Como um abraço é eficaz na arte de amar! Uma mulher envolvida por um abraço que envolve não somente o seu corpo, mas tem a capacidade de a envolver no todo, sente-se não só protegida, mas profundamente valorizada. Os teus braços têm a capacidade de envolver todo o mistério e beleza da tua namorada?

Amar no beijar

Beijar é muito bom! Um beijo é mais do que encontro de lábios, é encontro de desejos e anseios. Exercita nos beijos que dás à namorada a capacidade de despertar nela a alegria de estardes juntos. Uma mulher encontrada num beijo sente-se única e irrepetível.

Amar no cheirar

Não estou a falar de fragrância francesa! Lógico que isso é muito bom também, porém, não é isso apenas. Refiro-me ao sentir o que S. Paulo disse: “Porque para Deus somos o bom perfume de Cristo” (II Cor 2,15). Sentir nela o perfume de Jesus, do amor que Ele tem, dos sonhos que Ele traz, a fará insubstituível.

Amar no falar

Desde Eva, que a mulher espera a fala de um homem. Foi na ausência da fala de Adão que Eva escolheu um caminho ruim. Sei que não somos tão bons no falar, e aí está justamente a nossa maior arma. Exercita a capacidade de demonstrar o que sentes, de dizer realmente o que pensas. Não te canses de dizer “eu amo-te”. Como disse Pier Giorgio, “o amor nunca diz ‘já chega’!”. Fala com ela dos seus sonhos, dos seus desejos, da importância que ela tem na tua vida! Se soubéssemos a força da nossa voz…

Amar no pensar

Uma das maiores provas de amor é tentar pensar sobre o que o outro pensa. Não digo pensar igual, mas chegar ao lugar que o outro pensa. E quando se trata da sua namorada, pensar sobre o que ela pensa é ter a capacidade de chegar às suas motivações mais profundas. Depois de pensar sobre os pensamentos dela, as tuas acções serão bem mais assertivas.

Amar no sonhar

Quando se gasta tempo a sonhar, projeta-se o futuro. Quando tens a possibilidade de sonhar juntamente com a tua namorada, o futuro apresenta-se cheio de possibilidades. Não ter sexo no namoro faz-te sonhar muito mais ainda com a noite de núpcias! Ama-a nos sonhos que ela traz – e olha que não são poucos. E quando ela sentir que tu sonhas juntamente com ela, eu te garanto: vocês mirarão um céu a dois!

Achas pouco? Se colocar isto como meta do amor no teu namoro, tu, de facto, serás muito feliz, porque a estará a fazer feliz! E depois de casados, cada relação sexual será o transbordar de todas estas formas de amar, pois elas convergirão e, assim, tocarão na plenitude do amor.

Depois destas 10 formas de amar sem ter relações sexuais no namoro, pergunto: tu amas a tua namorada?

Muitos casais de namorados, quando resolvem viver a castidade, terminam; não porque não tenha sido uma boa acção, mas foi uma acção que revelou uma relação que não tinha pessoas, apenas “sexo”.