O frigorífico
   

O frigorífico

  

 Um sujeito comprou um frigorífico novo e, para se livrar do velho, pô-lo em frente do prédio, no passeio, com o aviso: "Grátis e a funcionar. Se quiser, pode levá-lo". O frigorífico ficou três dias no passeio sem ninguém lhe dar atenção.

E chegou à conclusão de que as pessoas não acreditavam na oferta. Parecia bom de mais para ser verdade e, então, mudou o aviso:

"Frigorífico à venda por 50 €". No dia seguinte, tinha sido roubado!   

 

 

O médico chinês 

Um médico chinês veio para Portugal e, como não conseguia encontrar colocação em nenhum hospital, resolveu abrir um consultório e pôs esta placa na porta:

 

"Consulta: €20,00. Reembolso de €100,00 se não ficar curado."

 

Um advogado viu a placa e entrou no consultório, determinado a ganhar facilmente os €100,00.

 

Advogado: "Perdi o sentido do paladar."

Chinês: "Enfelmeila, tlaga o lemédio da caixinha 22 e pingue 3 gotas na boca do paciente."

Advogado: "Credo, isto é petróleo!"

Chinês: "Palabéns, lecupelou o seu paladal. Deve-me €20,00."

O advogado ficou irritado mas pagou e voltou alguns dias depois para recuperar o dinheiro.

Advogado: "Perdi a memória e não me lembro de nada."

Chinês: "Enfelmeila, tlaga o lemédio da caixinha 22 e pingue tlês gotas na boca do paciente."

Advogado: "Mas aquilo é petróleo. Deu-me isto da última vez para recuperar o paladar."

Chinês: "Palabéns, você lecupelou a sua memólia. Deve-me €20,00."

O advogado, furioso, pagou ao chinês e voltou uma semana mais tarde, determinado a ganhar os €100,00.

Advogado: "A minha vista está muito fraca e não consigo ver nada com nitidez."

Chinês: "Bem, eu não tenho nenhum lemédio pala isso. Tem aqui uma nota de €100,00."

Advogado: "Mas isto é uma nota de €20,00!"

Chinês: "Palabéns, está culado! Deve-me mais €20,00."   

Três lisboetas fanfarrões querem gozar com um alentejano e começam a provocá-lo dando mostras de grande riqueza:

- Eu tenho muito dinheiro…vou comprar a TAP…

 

- Pois eu, diz o segundo, vou comprar a GALP…-

 Isso não é nada! – diz o terceiro. Eu vou comprar todas as auto-estradas de Portugal e as suas portagens…

 

- E tu? – pergunta um deles ao alentejano…-

 Eu, eu…não vendo.    

 

 

Entre namorados, ele pergunta:-

 Diz-me: sou o primeiro homem que amas?

 

- Está claro que és! Mas que aborrecidos são os homens! Todos me fazem a mesma pergunta!      - Então que vem a ser isto? Você passa por mim sem me cumprimentar?

 

- Ai, queira desculpar-me. Sou tão curto de vista, que não vejo um burro à frente do nariz.    

 

 

O Ministro da saúde foi visitar o manicómio. Apresentam-lhe um doente já completamente curado, que vai sair nesse dia. Diz-lhe o ministro:

 

- Eu sou o Ministro da saúde!

 

- Eu também pensava que era Napoleão, mas já estou curado.   

 

 

- Qual é a coisa qual é ela: branca por fora, amarela por dentro, e termina em pá?

 

- Não sei.

- É o ovo, pá!

  Entra um cliente na sapataria e pergunta:-

 Tem um par de sapatos para um tipo como eu?

 

- Naturalmente. Temo-los todos de todos os tipos. Mas, que espécie de tipo é você?

 

- Um tipo sem dinheiro!