A primeira miss Estados Unidos converte-se ao catolicismo

Rima Fakih, a primeira miss Estados Unidos, de religião muçulmana, converte-se ao catolicismo

Em 16 de Maio de 2010, Rima Fakih, de origem libanesa, que se apresentava no concurso nacional como Miss Michigan, ganhou o título de Miss Estados Unidos, com especial notoriedade por se tratar de uma jovem muçulmana. Embora já antes se definiu a si mesma como "primeiro, americana, depois libanesa-americana, depois árabe-americana e depois muçulmana-americana".

Recentemente converteu-se ao cristianismo e em breve contrairá matrimónio com um católico maronita.

Há tempos, Rima deu senais da sua conversão na sua conta oficial de Twitter publicando uma frase do Novo Testamento: "Tudo posso naquele que me fortalece" (Filipenses 4, 13).

Numa entrevista em 2010 disse ter "um cunhado cristão e uma irmã que baptizou os seus sobrinhos na fé, e também um tio que se converteu ao cristianismo e se fez sacerdote".

Rima Fakih vem de una família xiita, mas foi educada numa escola católica.