Eu voltarei...

EU VOLTAREI…

"Um pai e a filha de nove anos estavam a tomar banho no mar. De repente a maré começou a vazar rapidamente.

Como estavam um pouco separados, o pai, não sendo bom nadador, sabia que sozinho não teria forças para lutar contra a maré e ainda puxar a filha para um lugar seguro.

A sua única esperança seria chamar um socorro o mais depressa possível.

“Fica a  boiar e nada mansamente", gritou ele para a filha. "Não tenhas medo.

Eu voltarei para te buscar". E correu a buscar um barco salva-vida.

Quando vieram, a pequena já estava longe, arrastada pela maré, e demorou para os homens a localizarem.

Quando finalmente a encontraram, ela estava a boiar e a nadar calmamente como o pai lhe tinha recomendado.

Mais tarde os salva vidas perguntaram-lhe como foi capaz de se manter assim tão calma.

"O meu pai disse que  voltaria. Eu sabia que viria e por isso não estava com medo.

Fiz exactamente como me disse", respondeu a menina calmamente.

 

Com a mesma confiança da menina no seu pai, com a sua maravilhosa calma, aguardemos o cumprimento da promessa de Jesus: "Virei outra vez".

Jesus virá para os que O esperam para a salvação".