TERÇO VOCACIONAL

 

 Image

1º Mistério: O chamamento e envio dos discípulos – Mc 3,13-14:
“Jesus subiu depois a um monte, chamou os que Ele queria e foram ter com Ele. Estabeleceu doze para estarem com Ele e para os enviar a pregar, com o poder de expulsar demónios.”

- A iniciativa da vocação vem de Deus. É Ele quem convoca à missão enquanto disposição de «saber estar» com Jesus e partir a anunciar a Boa Nova do Reino. Da parte de cada um, urge uma resposta generosa. Por isso, te pedimos, ó Rainha dos Apóstolos, que ajudes todos os jovens a encontrar o seu caminho e a dizer “sim” a Deus.

2º Mistério: A vocação de Levi – Mc 2, 13-14:
“Jesus saiu de novo para a beira-mar. Toda a multidão ia ao seu encontro, e Ele ensinava-os. Ao passar, viu Levi, filho de Alfeu, sentado no posto de cobrança, e disse-lhe: «Segue-me.» E, levantando-se, ele seguiu Jesus.”

- A prontidão da resposta de Levi manifesta como foi grande o impacto causado pela passagem de Jesus. Hoje necessitamos de gente que se deixe impressionar e esteja disponível ao dom de Deus, disposta a arriscar tudo pelo Evangelho. Por isso, te rogamos, ó Mãe de Jesus, que animeis os jovens a escolherem o desafio da consagração religiosa e missionária.

3º Mistério: O chamamento do jovem rico – Mt 19, 16.21:
“Aproximou-se dele um jovem e disse-lhe: «Mestre, que hei-de fazer de bom, para alcançar a vida eterna?» Jesus respondeu: «Se queres ser perfeito, vai, vende o que tens, dá o dinheiro aos pobres e terás um tesouro no Céu; depois, vem e segue-me.» Ao ouvir isto, o jovem retirou-se contristado, porque possuía muitos bens.”

- O desafio da entrega total é exigente. Tudo começa pelo desprendimento dos bens e de si mesmo para ser todo para Jesus. Por isso, te intercedemos, ó Virgem de Nazaré, que faças dos jovens de hoje pessoas corajosas e destemidas para procurar a verdade que os liberta e os torna felizes.

4º Mistério: A conversão de Paulo – Act 9, 3-6:
Estava a caminho e já próximo de Damasco, quando se viu subitamente envolvido por uma intensa luz vinda do Céu. Caindo por terra, ouviu uma voz que lhe dizia: «Saulo, Saulo, porque me persegues?» Ele perguntou: «Quem és Tu, Senhor?» Respondeu: «Eu sou Jesus, a quem tu persegues. Ergue-te, entra na cidade e dir-te-ão o que tens a fazer.»

- Fazer uma opção de vida implica deixar-se iluminar e deixar cair as seguranças pessoais que nos agarram a nós mesmos e aos nossos costumes, para seguir por um novo caminho de vida e fé. Por isso, te pedimos, ó Rainha das Missões, que inculques no coração de cada jovem aquela sensibilidade para as coisas de teu filho Jesus Cristo, para que cada um eleve a sua vida a Deus com um «sim» quotidiano.

5º Mistério: O SIM de Maria – Lc 1, 26-28.30-31.38:
Ao sexto mês, o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galileia chamada Nazaré, a uma virgem desposada com um homem chamado José, da casa de David; e o nome da virgem era Maria. Ao entrar em casa dela, o anjo disse-lhe: «Salve, ó cheia de graça, o Senhor está contigo. Não temas, Maria, pois achaste graça diante de Deus. Hás-de conceber no teu seio e dar à luz um filho, ao qual porás o nome de Jesus. Maria disse, então: «Eis a serva do Senhor, faça-se em mim segundo a tua palavra».

- O exemplo confiante de uns fortalece a decisão vocacional de outros. É assim com Maria e com muitos consagrados e missionários ao longo da história. Hoje continuamos a precisar destes exemplos vivos e contagiantes. Por isso, te rogamos, ó Mestra de Vida, que ensineis os jovens a pronunciar o “SIM” que dá significado à existência e faz descobrir o “NOME” escondido de Deus no coração de cada pessoa.