Mensagem

"Assim como Eu vos amei, amai-vos uns aos outros"

(Jo 13, 34)

 
Início seta Alguns Santos seta Santa Catarina Labouré
Santa Catarina Labouré Imprimir e-mail
Image 
Numa família profundamente cristã de remediados lavradores da Borgonha, em França, nasceu a 2 de Maio de 1806 Catarina Labouré. Órfã de mãe aos nove anos, veio, mais tarde, a ser convidada por uma cunhada, directora de um pequeno colégio, em Chatillon, a ir viver para junto de si. Convivendo com as Irmãs da Caridade que viviam perto, acendeu nela o desejo de as imitar.
Tendo feito o postulantado, seguiu para Paris onde iniciou o noviciado na Rua du Bac. Entrou naquela casa durante a solene novena que precedeu a trasladação das relíquias de S. Vicente de Paulo.
Na noite de 17 para 18 de Julho de 1830, estando a dormir é acordada por uma criança aparentando quatro anos de idade que lhe diz: "Vem à capela; Nossa Senhora espera-te". Entrando na capela profusamente iluminada, viu Nossa Senhora sentada numa cadeira. Seguiu-se um diálogo de duas horas.
Um dos pedidos de Nossa Senhora foi o de mandar cunhar uma medalha com esta inscrição: “Ó Maria, concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós”.
A medalha chamada “milagrosa” gravada a partir de 1832 segundo as instruções do bispo de Paris e as indicações dadas por Catarina ao seu confessor, conheceu uma grande difusão em todo o mundo.
A Senhora revelou-lhe também o véu do futuro, prognosticando-lhe as desgraças que, daí a 40 anos, cairiam sobre a França.
A esta aparição seguir-se-iam mais duas.
Depois das aparições continuou a servir os pobres durante 46 anos.
Catarina Labouré é realmente a santa do silêncio, da humildade. Enquanto viveu foi desconhecida. Faleceu a 3 de Dezembro de 1876. Foi beatificada em 1933 e canonizada em 1947.
Para saber mais sobre esta santa, vá à Página Mariana,
neste mesmo site.
 

Webdesign Contabilidade Porto Porto Apartments